"O texto simplifica meu eu complexo, ora é aliado, ora me faz refém".- Hellen Cortezolli

sábado, fevereiro 26

Não precisa entender… só amar

P1120338


Uma amiga perguntou quais eram os planos para hoje, respondi que não iria sair da cama. Vou me entupir de drogas (chocolate, coca-cola e muitos tutoriais para estudar);

  Antes é claro, estava lendo “coerências” como as descritas pela minha sábia amiga Denise Muniz, que em um comentário no Facebook disse:
“Nietzsche jamais conheceu as mulheres - refiro-me às amantes, companheiras, namoradas. Tomou um fora e pirou. Foi cuidado pela mãe e pela irmã até a morte. Por isso escreveu essa bobagem. A mulher é o ser mais simples que existe. Complicado é quem não a entende. E o verdadeiro homem é aquele que tem noção dessa descomposição.”
Lembrei que meu amigo escreveu um post dedicado às aquarianas, foi quando ouvi falar pela primeira vez dessa mulher… Lou-Salomé. E, virei fã, ela sabia como fazê-los chorar. As pessoas não devem sofrer, somente aquelas que se acham no direito de fazer “experiências” com as outras.

Se divertem as custas de algumas ilusões que contribuíram direta ou indiretamente para que existissem, mas no fim só remete ao fato de terem sido fantoches de alguém um dia. Exatamente, num gesto egoísta, vingativo e extremamente covarde.

Concordo com o pensamento da Denize. E, nesse contexto também reflito que alguns homens e mulheres não se entendem, porque insistem em não ser honestos, por pura covardia, para não se envolverem, não se despirem das mentiras que contam todos os dias.. Seguem assim... Fingindo ser iguais.