"O texto simplifica meu eu complexo, ora é aliado, ora me faz refém".- Hellen Cortezolli

domingo, outubro 24

O silêncio da fala

Uma vida diferente, daquelas que só se vive só...
...só de um olhar, um toque, um beijo imaginado,
Um abraço inocente, um perfume que fica marcado,
Uma pele, um suor, um soluço, uma lágrima.
Reputação e pés no chão e, um gozo pela metade


Reputação de pés descalços
Chão pela metade
E olhar inteiro


Qual a metade do olhar?
Será uma piscadela?
Preciso de tempo pra pensar,
Mas ele é rápido demais
Para um pensamento saborosamente vagaroso


Entendo pouco de tempo
E bastante de pensamentos
Eles são muitos e diversos,
Dormem comigo e acordam já falando
Verborragicamente falando
Gosto do silêncio da fala deles…

  

* Hoje não é um bom dia, como ontem não foi,

deixei uma parte de um poema antigo…

…aos pedaços, hoje a fala dele é melhor…

ofereço-o à você que vem sempre aqui.