"O texto simplifica meu eu complexo, ora é aliado, ora me faz refém".- Hellen Cortezolli

terça-feira, agosto 30

Rótulo

Por que é tão necessária a identificação?
Ando vazia e tão cheia de mim.
Minhas dúvidas ganham espaço somente porque quero sempre mais. E, essa covardia repentina, inóspita e indelével, será que não sou digna?

Mas, os caminhos que percorri tão cheios de espinhos, não valeram?
Trago na face cicatrizes das guerras que travei contra mim. Meus desejos eram somente doces caprichos. O meu querer era apenas teimar com o tempo. Agora o que sinto faz de minha fragilidade a força que nunca havia alcançado antes.

Será mais uma fase e quão velha devo ficar, até que meu ventre seque?
Me sinto só, só quando não reconheço meu rótulo. O impresso que supostamente identificaria meu conteúdo, o caráter atribuído a quem sou, o que sou e como penso. Porque ser é diferente de estar.


Foto: Aécio Cortezolli